Livro "O Goleiro Fantasma" relembra Maracanaço


Amanhã, dia 16 de julho, completa-se 61 anos que o Brasil perdeu para o Uruguai, no episódio conhecido como Maracanaço. A partir desta data escolheu-se covardemente um culpado: o goleiro Barbosa. Perseguido e apontado nas ruas, ele carregou essa cruz até o fim da vida.

Em O Goleiro Fantasma, o jornalista esportivo Raul Drewnick dedica a obra em memória e à honra de Barbosa, goleiro do Brasil na Copa do Mundo de 1950 e mártir supremo do futebol brasileiro.

O livro conta a história de um fantasma que aparece num início de noite e aterroriza dois garotos que estão jogando futebol num campinho. Depois do susto, eles começam a investigar e descobrem que o aparecimento do horripilante espectro pode estar ligado à história de um goleiro amaldiçoado e expulso do bairro depois de uma derrota. O livro é dedicado ao público juvenil que poderão se divertir com a magia do futebol brasileiro, suas glórias e também seus dramas inesquecíveis.