Exemplo ao Brasil

A Prefeitura de Barretos, no interior de SP, dará desconto no Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU) para os moradores que aderirem à coleta seletiva de lixo. O prefeito Emanoel Mariano Carvalho diz que, a partir de setembro, a cidade terá um sistema informatizado de coleta que usará código de barras. O morador que realizar a coleta constantemente poderá ganhar abatimento de até 10% no imposto.
O prefeito afirma que os supermercados irão fornecer saquinhos amarelos para a coleta. O governo municipal entregará etiquetas com códigos de barras que contêm informações sobre as residências. O morador terá que colar a etiqueta no saquinho e, ao chegar à usina de reciclagem, esses dados serão computados e enviados para a prefeitura. “Quando é feita a leitura, isso já dá desconto direto no IPTU para aqueles que participam da coleta seletiva”, afirma Carvalho.O desconto será proporcional à adesão do morador. Aqueles que reciclarem o lixo em todos os meses receberão o desconto máximo.

Segundo a prefeitura, um sexto do lixo reciclável produzido nas residências passará a ser coletado em setembro, aumentando gradativamente até ocorrer uma vez por semana nas 34,5 mil casas do município. Barretos gera cerca de 50 toneladas de material reciclável por mês, coletado por indústrias e empresas.