Noite sem Teto será neste final de semana




Na madrugada do dia 16 para o dia 17 de outubro, jovens passarão a noite ao relento em um ponto específico da cidade de São Paulo para denunciar à condição de extrema pobreza em que vivem milhões de pessoas da América Latina, sobretudo no Brasil. A ação chamada de Noite sem Teto e organizada pela ONG Um Teto para meu País, acontecerá simultaneamente em 16 países latino-americanos em que a organização está presente para marcar o Dia Internacional para o Combate a Pobreza.

A Noite sem Teto é uma ação de denúncia pública que pretende gerar uma maior consciência sobre a necessidade de erradicar os assentamentos humanos precários nos quais vivem milhões de pessoas na América Latina. Neste dia, Um Teto para meu País também realizará uma série de debates sobre o tema na Assembléia Legislativa de São Paulo. 
 


Sobre Um Teto para Meu País

Por iniciativa de um grupo de jovens universitários, a organização nasceu no Chile, em 1997. O objetivo inicial é denunciar a pobreza em que viviam milhares de latino-americanos. Em 2001, após dois terremotos na região do Peru e de El Salvador, que pioraram a vida das comunidades daquelas regiões, a ação passou a se expandir no continente. Hoje são mais de 250 mil voluntários e 70 mil famílias já beneficiadas nos 19 países em que a organização está presente: Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Colômbia, Costa Rica, Equador, El Salvador, Guatemala, Haiti, Honduras, México, Nicarágua, Panamá, Paraguai, Peru, República Dominicana e Uruguai. Mais informações em http://www.umtetoparameupais.org.br