Dessa vez, ele pode ter razão

Fidel Castro se apresentou hoje (03/09) pela primeira vez diante de uma multidão, desde que deixou o poder, há quatro anos. O líder cubano pronunciou das escadarias da Universidade de Havana, um discurso de 45 minutos, para advertir os cidadãos do perigo de uma guerra nuclear, se os Estados Unidos e Israel atacarem o Irã.

E ninguém escuta o veinho...